terça-feira, 11 de setembro de 2007

insisto a_pe(n)sar...


"adonis plant, dew on the love herbs"
hokusai katsushika


Já tudo foi dito sobre o amor todo.

Tudo!


Mas eu insisto!
(Mais um que insiste...)
Insisto!

Não posso acrescentar um nico mais.

Nada!


Mas quero repetir o acto de amar

e não só mais um coito de amor.


deixa insistir

até à exaustão

que o amor é loucura
que mata e que cura
que des_espera

que sacia
e faz fome

deixa insistir

até mais não

que no amor
renasço

refaço

renego
retenho

descalço

deslaço


E,
se silencio e oiço,
escuto insistentemente:

"Amo-te!"


Sabes, agora, por que insisto...


É que acredito que me contemplas ao ler-me.


Daniel Sant'Iago

15 comentários:

Principios&Fins disse...

Já foi dito mas é necessario continuar a dizer... se não desapareçe do mundo... de nós... deixa de existir.... será?

daniel sant'iago disse...

princípios&fins
Talvez deixe de existir em mim...
Daí... que convenha muito insistir.
Apesar de... ou a pensar em.

Maria P. disse...

Insiste...contemp(l)o.

Beijos*

APC disse...

Insistimos em amar, mesmo sabendo que é o que mais doi.
Que no amor renasço, refaço, renego, descalço, deslaço... !!!
És um bravo!

Anónimo disse...

Contempla-te a ti e à tua "alma", certamente. E enche-se com este acto de amar repetido em belas palavras.
Carla

as velas ardem ate ao fim disse...

Amar perdidamenteeeeeeeeeeeeeeee!!!!!!!

bjo

Ka disse...

Fantástico...

insiste...a escrever palavras destas...
eu insisto...em lê-las

Beijinho e um bom dia

daniel sant'iago disse...

maria p.
Até à exaustão...

apc
Não propriamente masoquistas... mas lá perto!

carla
Todos contemplamos ao ler...

vela
Um fado...

ka
Insistirei se...

Anónimo disse...

uns mais do que outros, até porque há sempre um cantinho tão pessoal na escrita que nem sempre se consegue captar
Carla

princesa disse...

*

a_pe(n)sar... eu também insisto!

+um

lisa disse...

Eu insisto sempre a ler-te.

:-)

Beijooooo...

Secreta disse...

Insistir ? No amor ? Sempre!
E ainda que nada mais possa ser acrescentado , muito pode ser dito.

daniel sant'iago disse...

carla
Esse "cantinho tão pessoal" pertence a quem escreve e esta comtemplação pertence ao leitor. E, aí, capta-se o que se pode e se quer.
Confuso?

princesa
Insiste...

lisa
E eu... vou escrevendo enquanto...

secreta
Mesmo que nos vamos repetindo...

Poemas e Cotidiano disse...

Que obra prima essa poesia meu querido Daniel!
Quando venho aqui le-lo, muitas vezes fico com a boca aberta, diante dos seus sentimentos e modos de expressa-los.
Essa poesia esta magnifica. Ela fala tanto do amor, em cada linha, em cada virgula, em cada verso.
MARAVILHOSA Daniel! Nao pense que exagero, ou que falo para lhe agradar. Nao visito por obrigacao, e nem falo o que nao penso.
Eu sou simplesmente apaixonada por suas poesias. Elas alem de serem diferentes, me fazem pensar sempre num outro angulo.
Um beijo com carinho e ternura
MARY

daniel sant'iago disse...

mary
Conheço a tua sinceridade.
Obrigado.