sábado, 10 de novembro de 2007

receita para viver em coerente contradição


"opposition of lines red and yellow"
piet mondrian


quando assumo
tomo como meu um erro ou uma posição
tomo consciência dum acto que cometi

quando me contradigo
não digo o que penso
não faço o que digo
não ajo como penso

quando assumo uma contradição
tomo como minha a incoerência

E depois?

assumo a incoerência
está assumida
acabou!
ou
assumo a incoerência
e afinal
eu quem sou?

assumir uma contradição é em si a contradição
ou faço por esquecer ou sou novelo sem pontas

Como é possível ser sem viver em contradição?

Sim!
É possível desde que sofras.

O sofrimento foi a nossa solução!

Daniel Sant'Iago

18 comentários:

Maria P. disse...

Partilho(me).

Beijo.

LEE disse...

Dan


muito bonito.

O meu diário de canções retorna nesse Doce Novembro.

beijos

Fuser

APC disse...

Mas o sofrimento é, em si, tão contraditório!...

Belas palavras. Não as contradigo!

Deixo um abraço!*

Madalena disse...

Não há quem vez por outra se não contradiga.
Serápor isso que sofremos todos?

Bj

Unknown disse...

maria p.
Por mim... só os textos são partilhados.

fuser
Lá irei.
E... desta vez... já posso "ouvê-las"!

apc
E tanto mais... quanto mais injusto nos parece!

paper-life
Depende de cada um... da consciência da contradição... da intensidade vivida...
Não sei se.

Fragmentos Betty Martins disse...

__________eu vivo em plena contradição___________consciente____...

Beijo
BSemana

(Querido Daniel. hoje foi-me oferecido um livro teu "Brinco de palavras" por um amigo que temos em comum o Dr. Carlos Pina)

APC disse...

E a solução, sofrida demais para ser considerada coerente! :-P

(Não disse a mesma coisa, disse??? :-S)

Anónimo disse...

Sim , o sofrimento pode ser a solução. Não tenho a minima dúvida disso!

Ka disse...

Sabes que ando a reler um livro que já li à uma data de anos e fala precisamente no sofrimento como caminho de coerência e resolução dos nossos problemas "O Caminho menos percorrido" de M. Soctt Peck

Nada se faz sem sofrimento diz ele e eu também acho...embora preferisse que assim não fosse :)

Beijinho e boa semana

as velas ardem ate ao fim disse...

E o que é o sofrimento???Nova contradição..

bjinho

Anónimo disse...

Ai.... Não sei... Não sei... Não sei!

Unknown disse...

betty
Nem "receita" nem "coerente"...

(Como o mundo é pequeno...)

apc
Uma contradição coerente é tão viável como um gelado tórrido...
E muito menos "receita"...

secreta
Parece sadismo mas não é...
Também me parece...

ka
Como todas as generalizações... ainda bem que não é assim... acho eu!

vela
Não sei!
Só sei que... de vez em quando... sofro!

partícula-rg
Que é uma das soluções... talvez!
Que não é a única... também me parece!
Mas... não é para termos certezas... que vamos dialogando... por aqui.

Belinha disse...

«Mal cheguei ao meu quarto, deitei-me, adormeci... E foi só então que me tornaram os sentidos. Efectivamente, ao adormecer, tive a sensação estonteante de acordar de um longo desmaio, regressando agora à vida...
Não posso descrever melhor esta incoerência, mas foi assim.»

de Sá-Carneiro
(o Mário, não o outro...)

mnemosyne disse...

Mergulhar fundo...morrer ;)
Beijo

Poemas e Cotidiano disse...

Daniel querido:
O titulo ja eh interessante: "Como viver numa coerente contradicao".. e eu pergunto: "Pode uma contradicao ser coerente?" Bom, na verdade ela pode ser coerente para nos...mas sempre sera em contradicao a verdade de alguem...
(dessa vez voce brincou com as palavras de verdade! rs).
Eh isso... "assumir uma contradicao eh em si a propria contradicao"...
Mas nao eh possivle mesmo viver sem contradicao...na verdade as contradicoes sao diarias, e muitas...
Estava pensando quando voce disse: "quando assumo tomo consciencia dum acto que cometi"...que bonita frase, Daniel. Na verdade nunca percebi que quando assumimos "tomamos consciencia dum acto"... ou seja, essa palavra "consciencia", me balancou... bonito...do modo que foi colocado.
Um beijo querido Daniel! vir aqui sempre mexe com meu "tico e teco" (neuronios). Risos.
Tenha uma linda terca-feira! Tu ai em Portugal, e eu ca nos EUA!
MARY

Unknown disse...

*belynha*
Se descrita é como é... como terá sido vivê-la... a incoerência?

mnemosyne
A solução.
A escolha!

mary
O título - ele próprio contraditório e incoerente. E, ainda por cima... "receita"!
As contradições - muitas e com "soluções" próprias...
Anoto, sem surpresa, o teu "Tu"...
tão lusitano!
E o teu "tico e teco"... tão brasileiro.

Olá!! disse...

Enquanto ser humano escolho sofrer em contradição... mas viver.

Unknown disse...

olá!!
Bem-vinda!
Regressa sempre!
A tua escolha...