terça-feira, 4 de dezembro de 2007

praga


quando fizeres de mim um pedinte

contentar-me-ei com dez migalhas

quando me negares essas migalhas
do pedinte nascerá um sem abrigo

faminto de trapos e da boca quente

do jazigo
dum metro sobre farrapos
encobertos por desperdícios porcos
de óleo que pedinchei numa oficina
de motores esfregados com petróleo

não me impeças a sorte nem a faca

com que mate a fome ou morra frio
não quero mais que dez migalhas
para os vinte dias que faltam
para as prendas do meu e teu

Feliz Natal!

Daniel Sant'Iago

15 comentários:

Maria P. disse...

...dez migalhas e um pé-de-meia para o nosso Feliz Natal.

Beijo

Cris Caetano disse...

Um pãozinho, um cobertor e um carinho... Feliz Natal!

Beijo

Olá!! disse...

Um sorriso e "nozes", em familia...
Feliz Natal

LEE disse...

Dan

qual Natal queres que seja feliz?


beijos

Fuser

Anónimo disse...

apetece-me abrir o regaço e dizer: "são migalhas, senhor!", mas com aroma a rosas de Inverno.
Apesar da nudez das palavras há uma migalha de esperança neste poema.
Feliz Natal
Carla

Unknown disse...

maria p.
Migalha a milhaga... enche a meia o pé!

cris
Consoada completa!

olá!!
Isso... um sorriso!

fuser
Chegava o de todos os dias...
Será demasiado?

carla
Pois há!
Nem são necessários milagres...

Vitor disse...

usa as migalhas para encontrar o caminho de volta...

gostei de ler

abraço

Fragmentos Betty Martins disse...

Olá Daniel



__________do pouco se faz ______o muito ou pelo menos______o algum



UM FELIZ NATAL PARA TI:))





beijO c/ carinhO

as velas ardem ate ao fim disse...

Feliz Natal!

bjos

Unknown disse...

vsuzano
Uma hipótese...
Mas... sempre me causou impressão a escolha da solidão dos sem-abrigo.

betty
Basta algo...
Igualmente.

vela
Igualmente!

CN disse...

É muito bom ler o que escreves!
Dez migalhas é suficiente.
1 beijo grande.

Unknown disse...

cn
Também acho...
Nunca é preciso muito de nada...
Basta sempre só o suficiente...
O resto vem por acréscimo.

CN disse...

Daniel
O resto vem sempre por acréscimo, porque tudo o que vier, é sempre muito melhor do que já tínhamos.
Saudades!

Poemas e Cotidiano disse...

Querido Daniel: Dez migalhas significa tanto, quando o amor eh bem maior do que qualquer pedacinho. Que linda a ideia de uma migalhinha ate o Natal. Porque sei que no amor, a migalhinha eh realmente uma boa fatia... dependendo dos olhos de amor que voce a ve.
Sempre lindo o que voce escreve.
Aqui fica uma migalhinha da grande admiracao que tenho por voce.
Beijos
MARY

Unknown disse...

cn
Quase... sempre... quase!

mary
A migalha que satisfaz... sim!