domingo, 5 de agosto de 2007

talvez... em chinês III


"china, ou-long"

Lau, filho mais novo do velho Chong,
seduzido pela
fogosidade de uma das
éguas selvagens, não resistiu. Montou-a.

Primeiro a passo.
Seguido de trote. Breve o galope.
Quis domá-la. A queda foi inevitável. E Lau partiu uma perna.

E os tais vizinhos, todos-todos, os mesmos,

rodearam-no manifestando a sua mais profunda mágoa.

E o velho Chong, com a água do arrozal no olhar,

fitou-os imóvel e murmurou:

- Talvez... talvez.... talvez!

Daniel Sant'Iago

7 comentários:

O'Sanji disse...

Vês_tal? Talvez...
Beijo

princesa disse...

*
... pacientemente se espera pela vez_tal!

tal_vez:

um arrozal em chinez...
... gostoso.

+um

princesa disse...

*
será assim que se escreve em chinês?

;o)

gabriela r martins disse...

regresso meio reconfortada apesar do muito calor e da imensidão das areias

.
.

os desertos são assim

.

tórridos ,mas deixam sempre imensa saudade quando os deixamos...
regressei ,mas não voltarei mais ao Imprimatvr .quem quiser encontrar.me doravante terá de o fazer
em verso:
http://cantochao.blogspot.com
em prosa:
http://pontocardealnorte.blogspot.com

porque o Imprimatvr cumpriu.se!!!!!

ps - um beijo .espero.vos ,se tiverem a pachorra de me aturar e ler nas direcções acima indicadas .gozem as férias .eu continuo disfrutando.as ,ao máximo ,em outros lugares e latitudes .mas vou estando ,também ,por aqui/ antes ,por ali ... até!!!!!!!

RC disse...

Ah, os tais otros indomáveis...

RC disse...

potros*

daniel sant'iago disse...

o'sanji
Ve(i)jo...

princesa
Não sei...

gabriela
Que regresso... em força!

rc
...ou selvagens.
Vi-os mas... domesticados.