quarta-feira, 8 de agosto de 2007

talvez... em chinês IV














"terra cotta warriors",
xian - china


Nesses tempos, a China vivia em guerra.


Os funcionários do governo percorriam

os campos e recrutavam mancebos para

os exércitos.

Mas, o filho do camponês
não foi levado
porque a perna estava
partida.

E os mesmos, todos-todos, os tais
vizinhos
rodearam o velho
manifestando-lhe a sua mais
profunda
alegria.

E o velho Chong, afagando a face ao filho,

fitou-os imóvel e murmurou:


- Talvez!


Obrigado, Chan, neto de um Chong e filho de um Lau,
meu amigo chinês de Macau.

Daniel Sant'Iago

9 comentários:

DDF disse...

Nunca sabemos o que pode vir a seguir não é? Lindíssima a tua história.
Saudades de te ler.
Beijo

princesa disse...

*
com certeza!

... um amigo de Macau.

Surpreendentes e felizes os finalmentes das tuas histórias...
... cheias de ti, Daniel.

eu te "amo" com respeito.
(tu és MARAVILHOSO!... que queres?!)

+ um

t_ela disse...

Daniel Sant'Iago

... um cavalo precioso, �nico bem sem pre�o de um Chong, Chan e Lau...
de Macau!

e tu, nesses todos-todos!

Como � bom... teres estado para contar!

Bel�ssimo.

t_ela

gabriela r martins disse...

oh danizito!
tu estás a falar a sério quanto ao teu amigo Chan ou também apanhaste sol a mais?

.
.

independentemente da quantidade de sol apanhada ,gostei demais destas tuas pequenas/grandes histórias

.

um beijo!

as velas ardem ate ao fim disse...

Talvez....


bjinhos

Luís disse...

Lindo =)

CN disse...

Chinês!!!!!!!!!
Acho que não é o meu forte!!

Bru disse...

iago

essa image sim, representa uma verdadeira maravilha.

bru

daniel sant'iago disse...

ddf
É mesmo! Nunca se sabe...
E ainda bem!

princesa
Chega-me...

t_ela
Estive... sim!

gabriela
Andei por lá... feito esponja... a ensopar!

vela
As in_certezas de cada momento...

luís
A sabedoria oriental...

cn
Nem o meu...

bru
Fiquemo-nos... então... pela imagem.