quinta-feira, 24 de agosto de 2006

nós


foto de júlio viena


corri nós
os lassos

dos meus aos teus abraços

nós
unidos em traços de segredos
das minhas palmas aos teus dedos

as palavras gritaram beijos
os silêncios fartaram desejos

magia de um dia
à hora da aurora

só nós

daniel

33 comentários:

Anónimo disse...

Passando no blog de uma amiga encontrei o seu e adorei tudo aqui.
Belas postagens, parabens, adorei a musica.
Deixo um convite para vir conhecer o meu.
Um beijo com aroma
TEMPESTADE

Unknown disse...

Obrigado, "tempestade..."!
Nua?
Bem-vinda! Do Brasil? Regresse sempre!

Outro.
daniel

Unknown disse...

Olá, "te_llamare..."!
Foi muito boa...

daniel

Al.Jib/Gabriela R. Martins disse...

vamos ao nosso jogo diário ,está?
.
em traços
de mel

a menina
desenhou

a abelhinha
acasalou
e
os favos
viraram
cachos de nós

em noz moscada
.

um beijo ,amigo!

Unknown disse...

"al-jib"!

em traços
de rimel

a menina
amendoou
os olhos

de redondos
viraram bicos

coisas
do ri
mel

Outro.
daniel


sosb

Anónimo disse...

Muito,muito bonito!

será banalidade mas é verdade.

A rima
é para não estragar
o comentário acima.

:)

Unknown disse...

Obrigado, "weg"!
Comenta sempre... mesmo que banalidades!
Coisas banais... da idade!
;-)

daniel

Daniel Simões disse...

Li alguns dos teus poemas e, muito sinceramente, acho que podes mudar a estrutura deles de vez em quando e não manter a mesma de sempre, sair do básico. Não aceites isto como uma crítica negativa ok? Eu gostei de entender o significado de cada poema e do sentimento que lhes entregas. É por estas críticas que vamos evoluindo.

eheh... na verificação de palavras está escrito: SEXOS

;)

Unknown disse...

Sê bem-vindo, "daniel simões"!
De facto, os meus textos são totalmente diferentes dos teus poemas de jovem de 17 anos... É natural! Somos pessoas diferentes!
Nunca saberia escrever um texto como os teus! A simplicidade e a clareza são instrumentos de ouro... Para mim, claro!
Acho que vale a pena(?)... a quem nos lê... que possa comparar-nos... não para escolher o melhor mas para perceber este mini-diálogo.
Agora... não seria capaz de te aconselhar a evoluires! Sabes porquê? Porque és pessoa inteligente e sabes escolher o teu próprio caminho independentemente de sugestões ou conselhos.

"eheh... na verificação de palavras está escrito: SEXOS" - quanto a esta... não percebi. Deve ser da idade...

daniel

Daniel Simões disse...

Por debaixo da caixa de texto, onde escrevo este comentário, quase às duas da manhã, há uma verificação de palavras, não sei para que serve, mas temos de copiar as letras que estão pre-definidas. Essas letras, quando fiz o último comentário, formavam a palavra "SEXOS". É só uma curiosidade.

Fizeste-me reflectir sobre a minha "evolução". Realmente, não evoluí pelo que os outros diziam, evoluí pelo que fui escrevendo. Obrigado.

Simplicidade e clareza não são outra coisa senão ferramentas na construção de um poema.
Eu só utilizo outras ferramentas.
Poesia como um instrumento de ouro para nós e para o leitores.

Unknown disse...

"daniel simões"!
É um código aleatório quando moderada a activação do blogue! Logo te calhou essa... escolhida pelo "blogger"! Coisas de computadores!
Concordo plenamente contigo.

daniel

vida de vidro disse...

Foste "etiquetado" lá no Vida de Vidro. Será que vais aceitar o desafio? :)**

Eu volto depois para comentar o post. :)

Unknown disse...

"vida de vidro"!
Como adivinhaste aquando do convite... não gosto de qualquer tipo de cadeias.
Encadeiam e entopem... a Net!
Desculpado?

Volta.
daniel

Al.Jib/Gabriela R. Martins disse...

ah! como nós
amamos

os encontros

ri

ri

rituais
banais

( caí na poça como a rã )

um beijo

Unknown disse...

Rituais banais, "al-gib"?
Ri tu!

daniel

Maresi@ disse...

..."os silencios fartaram desejos"
verso belíssimo...e com tanto significado...

Beijo________Maresi@

clautixa disse...

ta bonito.
e só nós basta.
beijito e bom fim de semana

della-porther disse...

dan

abraços
e se não fartos
de silêncios
deixo-os...ainda assim
deixo-os...

beijos meu menino mágico
pra mim és bom no que fazes e da forma que fazes.(e não discorde).

beijos com muito carinho.

della-porther

Unknown disse...

"maresi@", bom o dia!
Ele há frase e frases...
Obrigado.

daniel

Unknown disse...

Bom dia, "claudia"!
Por vezes... basta!
Obrigado.

Outro. Igualmente.
daniel

Unknown disse...

Bom dia, "della-..."!
Obrigado pela glosa, pela magia do menino(?) e pela bondade e forma como comentou!
Obedeci. Não discordei!

Igualmente.
daniel

Goticula disse...

Momentos mágicos!

Beijinho

Unknown disse...

Que o sejam!
Bom dia, "goticula"!

Outro.
daniel

vida de vidro disse...

Que existam laços e não nós! Ou então que estes sejam lassos... :)**

Unknown disse...

Boa noite, "vida..."!
Entraste no jogo... obrigado!

daniel

Poemas e Cotidiano disse...

Daniel,
Ler suas poesias, sempre eh um mergulhar no significado das palavras.
"nós
unidos em traços de segredos
das minhas palmas aos teus dedos

as palavras gritaram beijos
os silêncios fartaram desejos
"

Que lindo esses tracos que vao das palmas aos dedos...
Que maravilhosos os silencios, que sao fartos de desejo!

Lindo meu amigo! Como sempre!
Adoro suas poesias!
Um beijo
MARY

as velas ardem ate ao fim disse...

não sei o que dizer...apenas que choro...de solid´~ao..de não haver um Nós.

Carla disse...

Passei por aqui e aproveito para te desejar um optimo domingo.
Bjx

Unknown disse...

Textos, Mary, ao sabor dos momentos.
Obrigado.

Outro.
daniel

Unknown disse...

"as velas..."
Bom domingo!
Os nós deslaçam-se quando uma vela arde...

daniel

Unknown disse...

"nadir"
Obrigado. Igualmente.

daniel

Anónimo disse...

as palavras são magia nos seus dedos (ainda que paridas a medo!).
Parabéns por este "brinco" que descobri através do Plan(o)alto.

Unknown disse...

maria jose quintela
A medo... e... em silêncio... para não despertar dum... sonho!
Bem-vinda!
Beijo.